Três professores indicam obras biográficas que valem conhecer

Masters of Sex, série de 2014

“Em 1957, na Universidade de Washigton, Dr. Masters busca desvendar os enigmas da sexualidade humana. O ‘líder da medicina safada’ – como o chamavam na instituição – enfrenta perguntas  desconcertantes, como: ‘quais os mecanismos biológicos  de uma ereção?’ e ‘por que uma mulher fingiria orgasmo?’. Junto a sua nova assistente, ele desenvolve estudos sobre a sexualidade que revolucionam a sociedade americana. A série trata dos impasses deste processo. ”

MARIANA SETUBAL, professora do curso de Comunicação e Marketing e Integrante do Núcleo Interdiscplinar de Professores

A garota da banda, de Kim Gordon Ed. Fabrica231, 2015

“É mais do que apenas um relato sobre as fases de sua carreira musical ou sobre como é ser a garota da banda Sonic Youth. É sobre ser mulher, se tornar mulher. Ser uma das maiores garotas do rock, ser mãe e artista em ambientes extremamente machistas e hostis. E sobre a vida que a tornou quem ela é.”

CAROLINA BARRES, professora do curso de Comunicação e Marketing e e Integrante do Núcleo Interdiscplinar de Professores

Paris é uma festa, de Ernest Hemingway, Ed. Livros do Brasil, 2015

“O autor relembra seus anos em Paris na década de 20, período em que muitos artistas da geração perdida americana se mudaram para a cidade e se encontravam na casa de Gertrude Stein para debater arte, cultura e política. Um dos grandes capítulos do livro se dedica à amizade com Scott Fitzgerald.”

IGOR ALVES DANTAS DE OLIVEIRA, professor de Relações Internacionais e Integrante do Núcleo Interdiscplinar de Professores