Jr.FAAP Consulting foi até Mogi das Cruzes para entender os torcedores do time de basquete da cidade e atrair investidores para a equipe

 Formada por alunos da faculdade, a Jr. FAAP Consulting funciona como um laboratório para os estudantes se desenvolverem como profissionais e experimentarem situações parecidas com as que encontrarão no mercado de trabalho. A empresa presta serviços para marcas, como foi o caso da equipe de basquete Mogi das Cruzes Basquete/Helbor, que está em busca de novos investimentos e patrocinadores. A turma da Jr. FAAP viajou até o interior de São Paulo para assistir a uma partida e realizar uma pesquisa de campo com os torcedores, que foram convidados a responder perguntas que permitem entender qual é o perfil do público-alvo e como ele interage com os anunciantes do time.

Foi a primeira vez que Vanessa Chung, aluna do 1o semestre de Economia, foi a campo. Ela relata que todos os torcedores abordados foram bem receptivos às perguntas e que a experiência foi enriquecedora. “Ao longo das entrevistas, fui adquirindo mais confiança ao abordar as pessoas. Vou levar esses ensinamentos comigo”, diz.

Depois da pesquisa, a equipe formada por alunos entrou no clima do jogo e se posicionou na arquibancada para saber como é a experiência de ser um torcedor da Mogi Basquete. “Apesar de a maioria dos integrantes da Jr. FAAP nunca ter assistido a um jogo de basquete ao vivo, a emoção presente na atmosfera do ginásio conquistou a todos. Alguns gostaram tanto que compraram camisetas do time para poder torcer a caráter”, comenta o diretor da consultoria José Paulo Kimura Gonçalves, aluno do 5o semestre de Administração. A equipe da Jr. FAAP ainda está analisando os dados da pesquisa para poder divulgar os resultados.