A aluna de economia Carlina Santos aposta nas aulas de R.I. para se tornar uma profissional melhor

O que Carolina Santos, 21 anos, mais gosta no curso de Economia é a abertura que os professores dão para os alunos criarem as próprias ideologias. “Um economista tem de conviver com opiniões diferentes. Não faz sentido ficar preso a uma ideia só. É isso que os professores passam para a gente”, diz a aluna do 4o semestre. Foi justamente em busca de pluralidade que ela se matriculou em duas disciplinas do curso de R.I.: Clube de Debate e Relações Internacionais Contemporâneas. “As matérias trabalhavam muito com geopolítica e pesquisa, áreas que me interessam profissionalmente”, conta. Depois da experiência, ela tem vontade de fazer eletivas de Jornalismo e Direito e também está de olho em um curso de extensão em Finanças, na FAAP. “Para mim, a Economia nada mais é do que tentar solucionar problemas a partir de conceitos e teorias que você aprendeu em vários lugares. Eu estou justamente em busca disso”, finaliza.

SAIBA MAIS SOBRE A FORMAÇÃO MÚLTIPLA

A FAAP oferece aos alunos da graduação a possibilidade de cursar até quatro disciplinas, por semestre, de qualquer curso da graduação, sem custos extras.