Com roteiro premiado no 18º Festival do Rio, filme da ex-aluna Martha Nowill estreia em abril

Formada em Cinema na FAAP, a atriz e roteirista Martha Nowill foi premiada no 18º Festival do Rio pelo roteiro do filme Vermelho russo, assinado em conjunto com o diretor Charly Braun. A ideia do longa surgiu a partir de um diário feito pela atriz durante uma viagem à Rússia. Na história, Martha e a atriz Maria Manoella vivem personagens de mesmo nome e profissão, que viajam ao país procurando se reinventar a partir da técnica Stanislavski de interpretação – que busca incorporar a personagem ao artista. A obra flerta entre o documentário e a ficção, registrando as brigas, discussões e descobertas das atrizes no isolamento do inverno russo. “Pelas críticas positivas que recebemos, imaginamos que pudéssemos ganhar em alguma categoria. Mas o prêmio de roteiro foi uma surpresa. Ficamos muito felizes”, conta Martha. O longa, exibido durante a Mostra Internacional do Rio em outubro passado, entra no circuito nacional em abril. Confira mais do papo com a atriz.

Cena do longa Vermelho russo, cujo roteiro foi premiado no Festival do Rio

Como a estrutura da FAAP ajudou em sua formação?
Eu aproveitei muito a faculdade, absorvi tudo o que podia. Fiz fotografia, direção de arte, atuei e dirigi um curta.

Que dica daria a um aluno hoje?
Uma coisa que fiz e recomendo a quem puder: fui ao cinema quase todos os dias durante três, quatro anos da graduação. Isso ajudou muito na minha formação.