As alunas Beatriz Antonini e Isabella Moraes contam como foi a experiência de trabalhar no escritório do FAAP Social

Bingo com idosos, oficina de arte com as crianças, doação de sangue para um hospital. Esses são exemplos das ações pontuais desenvolvidas pelo FAAP Social, que conta com a participação dos alunos como voluntários no dia de cada evento. “Acontece que alguns alunos passaram a nos procurar, dizendo que tinham interesse em se envolver desde o início da ação, e não apenas no dia”, lembra Andrea Sendulsky, gestora do departamento. Foi assim que ela teve a ideia de abrir vagas de voluntariado para trabalhar fisicamente no escritório do FAAP Social. Assim, o aluno participa de tudo: desde a concepção da ação até a execução e pós-evento. “Foi uma forma que encontramos de aproveitar o potencial dos alunos e termos um trabalho eficiente. E o resultado foi muito bom, superou as expectativas”, revela Andrea, que adotou o modelo e pretende fazer mais vezes (leia no box ao lado). A seguir, as alunas Beatriz Antonini e Isabella Moraes, primeiras a participarem do projeto, contam sobre a experiência.

Oficina de apresentador de TV, no estúdio da FAAP

“Achei muito legal participar, porque nenhum dia era igual ao outro. Sempre tinha uma coisa nova: entrar em contato com ONGs, receber doações, pensar no evento. O dia da ação foi incrível, por saber tudo que foi feito para aquilo acontecer. No Dia da Responsabilidade Social, fiquei responsável pela oficina de apresentador de TV para jovens de baixa renda – e olha que nunca tinha entrado no estúdio. Foi demais ver como a FAAP recepciona as pessoas e ouvir os feedbacks positivos.” Beatriz Antonini, 24, aluna de Economia

“Tenho interesse em trabalhar com ONGs futuramente, por isso achei que seria uma boa oportunidade. Me envolvi na ação social do Trote Solidário e na campanha de Doação de Sangue. Tive bastante liberdade para pensar no que poderíamos fazer. Foi muito legal. Esse tipo de experiência, além de marcar a gente pessoalmente, também é importante profissionalmente, porque mostra que eu tenho proatividade e envolvimento com as coisas.” Isabella Moraes, 20, anos, aluna R.I.

Campanha de Doação de Sangue realizada no campus

Quer participar?

Se você também tem vontade de ajudar a tirar uma ação voluntária do papel, o FAAP Social é o lugar certo para isso. São de duas a três semanas trabalhando no escritório, envolvido em projetos como Alunos Ensinam, Campanha do Agasalho e a ação social do Trote Solidário.

Mande um e-mail para o faapsocial@faap.br e conte por que gostaria de participar.